Língua Portuguesa – Regras de Acentuação

Monossílabos Tônicos: Os monossílabos tônicos serão acentuados, quando terminarem em A, E, O, seguidos ou não de s.

Ex. pá, pás, má, más, vá, lá, já. pé, pés, mês, rês, Zé, né? pó, pós, dó, cós, pô!

Oxítonas: São as que têm a maior inflexão de voz na última sílaba. São acentuadas, quando terminarem em A, E, O, seguidos ou não de s, e em EM, ENS.

Ex. Corumbá, maracujás, maná, Maringá. rapé, massapê, filé, sapé.

filó, rondó, mocotó, jiló.

amém, armazém, também, Belém. parabéns, armazéns, nenéns.

Paroxítonas: São as que têm a maior inflexão de voz na penúltima sílaba. São acentuadas, quando terminarem em UM, UNS, L, ÊEM, PS, X, EI (s), ÃO (s), U (s), ditongo crescente (s), N, ÔO, I (s),

R, Ã (s).

Ex. álbum, factótum, médiuns. ágil, flexível, volátil. crêem, dêem, lêem, vêem. fórceps, bíceps, tríceps.

tórax, xérox (também pode ser xerox), fênix. pônei, vôlei, jóquei.

órgão, órfãos, sótão. ônus, bônus.

Mário, secretária. hífen, pólen, gérmen. vôo, côo, entôo. táxi, júris.

fêmur, âmbar, revólver. ímã, órfãs.

Proparoxítonas: São as que têm a maior inflexão de voz na antepenúltima sílaba. Todas as proparoxítonas são acentuadas, salvo a expressão per capita, por não pertencer à Língua Portuguesa.

Ex. síndrome, ínterim, lêvedo, lâmpada, sândalo.

Os ditongos eu, ei, oi / éu, éi, ói somente receberão acento, quando forem abertos, seguidos ou não de s.

Ex. meu, chapéu, deus, troféus. peixe, anéis, rei, réis. doido, estóico, foice, destrói.

As letras i e u serão acentuadas, independente da posição na palavra, quando surgirem:

Formando hiato tônico com a vogal anterior.

Sem consoante na mesma sílaba, exceto o s.

Sem nasalização (til, NH e ressôo nasal).

Ex. saída, ataúde, miúdo. sairmos, balaústre, juiz. rainha, ruim, juízes.

Os grupos que, qui, gue, gui devem ser analisados com muito cuidado, pois podem surgir com trema, com acento agudo ou sem sinal gráfico algum. Vejamos então:

01) Quando o u for pronunciado atonamente, ou seja, quando as três letras participarem da mesma sílaba, sendo o u pronunciado, deveremos colocar trema sobre ele.

Ex. se-qüên-cia, cin-qüen-ta. tran-qüi-lo, qüin-qüê-nio. a-güen-tar, en-xá-güem. ar-güi-ção, lin-güi-ça.

02) Quando o u for pronunciado tonicamente, ou seja, quando o e ou o i formarem hiato com o u, deveremos colocar acento agudo sobre o u. Isso ocorre somente com alguns verbos da Língua Portuguesa. Vejamo-los:

Averiguar, apaziguar e obliquar: As pessoas eu, tu, ele e eles do Presente do Subjuntivo são as únicas a receberem o acento agudo.

Ex. Que eu averigúe, tu averigúes, ele averigúe, eles averigúem.

Que eu apazigúe, tu apazigúes, ele apazigúe, eles apazigúem.

Que eu obliqúe, tu obliqúes, ele obliqúe, eles obliqúem.

Significado dos verbos:

Averiguar = examinar com cuidado; verificar.

Apaziguar = pacificar, acalmar.

Obliquar = Proceder maliciosamente; caminhar obliquamente.

Argüir e redargüir: As pessoas tu, ele e eles do Presente do Indicativo são as únicas a receberem o acento agudo.

Ex. Tu argúis, ele argúi, eles argúem.

Tu redargúis, ele redargúi, eles redargúem.

Significado dos verbos:

Arqüir = acusar; censurar; argumentar; examinar, questionando ou interrogando. Redargüir = Replicar, responder argumentando; acusar, recriminar.

Mais Postagens sobre Língua Portuguesa. Clique Aqui!

Concursos Abertos em Todo o Brasil. Clique Aqui!

Apostilas para Concursos. Clique Aqui!

Cursos em Vídeo Aula. Clique Aqui!

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7PS para Passar em Concursos Públicos

Livro Digital contendo os 7PS da Aprovação. Baixe Agora Grátis =)

BAIXAR O EBOOK GRÁTIS  ou acesse o curso completo >>

Siga Vídeo Concursos